242010fev

A estimulação magnética transcraniana repetitiva – EMTr (do inglês Repetitive transcranial magnetic stimulation – rTMS) é uma técnica recomendada para o tratamento da depressão (unipolar ou bipolar), esquizofrenia e vem sendo amplamente estudada para várias outros transtornos mentais.

A nova era da EMTr surgiu em 1975 e utiliza estímulos elétrico e magnético para restabelecer o funcionamento cerebral. Em Outubro de 2008, o seu uso foi reconhecido pelo FDA (Food and Drug Administration) para o tratamento da depressão. No Brasil, a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) regulamentou o uso do aparelho de EMTr em março de 2006. Recentemente, o Conselho Federal de Medicina (CFM) publicou resolução que afirma que o uso da EMTr deve ser feito exclusivamente por médicos e nas seguintes condições: depressão unipolar, depressão Bipolar, esquizofrenia (nas alucinações auditivas) e planejamento de Neurocirurgia.

O objetivo da EMTr é estimular áreas específicas do cérebro, por meio de pulsos magnéticos gerados por um equipamento desenvolvido para esta técnica. O tratamento é capaz de gerar mudanças controladas nos neurônios (células do sistema nervoso responsáveis pela condução do impulso nervoso) de regiões específicas do cérebro, ativando-os ou inibindo-os, de acordo com o objetivo terapêutico.

Dentre os principais sintomas de depressão estão: tristeza, perda do apetite, falta de iniciativa, apatia, desanimo, incapacidade para trabalhar, desejo de morrer, pessimismo, insônia, sentimento de culpa, baixa autoestima, falta de prazer, alteração da atenção e concentração, cansaço, irritabilidade etc. Quando as medicações não surtem efeito, por excesso de efeitos colaterais, por exemplo, ou quando não são recomendadas, como na gestação, pois podem afetar o embrião/feto, a EMTr pode ser recomendada.

Os primeiros sintomas da esquizofrenia podem estar associados a insônia, ansiedade, desinteresse por atividades rotineiras, isolamento social, dificuldade de atenção/concentração e até abandono de estudos e trabalho. É comum haver descuido com a higiene, mudanças no comportamento e com a aparência, causando a impressão de ser apenas uma fase de “rebeldia”. Com o passar do tempo, os sintomas se agravam até a chegada do 1º surto psicótico. A EMTr pode ser recomendada (EMTr) para o alívio de alucinações auditivas.

Dra. Marina Odebrecht Rosa, CRM: 107447 – SP | RQE: 47901. Dr. Moacyr Alexandro Rosa, diretor técnico, CRM: 69816 – SP | RQE: 47876. IPAN – Instituto de Psiquiatria Avançada e Neuromodulação.