O tratamento com ECT devolveu a vida ao meu pai! O resultado foi surpreendente!

O tratamento com sessões de eletroconvulsoterapia, a chamada ECT, devolveu a vida ao meu pai. Atualmente com 74 anos, ele sofre com a depressão há dez anos, em sua última crise depressiva, dois médicos que o atenderam em um renomado hospital particular de São Paulo, um clínico geral e um neurologista, disseram não haver mais alternativas de tratamento, ou seja, que não havia mais nada a ser feito.

Foi então que a ECT foi nos indicada como uma última alternativa pelo psiquiatra que o atendia. O único temor da família era de que as sessões fossem dolorosas, mas a ECT é realizada com sedativos, o paciente não sente dor durante a sessão ou após a aplicação, que também é muito rápida.

Iniciamos o tratamento em julho de 2008, a melhora foi extraordinária e muito além do esperado. Tudo mudou em nossa família, meu pai nasceu de novo. Ele havia deixado de fazer todas as atividades, estava totalmente dependente para exercer as tarefas mais simples, hoje ele retomou sua vida. O único efeito colateral é na perda de memória recente, ele não se recorda de alguns fatos em um período de aproximadamente dois meses.

Indico o tratamento com ECT, pois o resultado é surpreendente. Também indico o IPAN, pelo excelente atendimento, profissionalismo dos psiquiatras e receptividade ao paciente e seu familiar. Estou muito feliz de poder dar meu depoimento sobre a ECT e ajudar outras pessoas a superarem o sofrimento pelo qual também passamos.

S. L. S., 44 anos, comerciante, residente em Brasília,
filha do paciente S. L., 74 anos, comerciante que recebeu o tratamento com ECT

S. L. S., 44 anos

Comerciante, Brasília, 2008